Cheguei esse ano na primavera de 2011, então não vi nevar. Havia neve nas ruas e nos gramados, mas nevar mesmo eu ainda não tinha visto. Já estava no final do inverno, sendo exato já era primavera e a temperatura estava a subir. Cheguei em São Petersburgo em abril desse mesmo ano, e estava +5 graus, foi o mais frio que senti quando cheguei aqui. Eu tremi de frio ao sair do aeroporto, tudo branco lá fora, estava impressionado como estava aquelas cenas de filmes russos, cenas de inverno. As arvores sem folhas com as ruas branquinhas. As pessoas empacotadas, possível ver somente os olhos delas. E eu acabado de chegar do Brasil que estava +38 graus quando sair de São Paulo.

Sempre ansioso para ver a minha primeira neve, pois queria muito ver nevar, mas só aconteceu ontem à noite, pois a primeira neve desse ano caiu ontem à noite em São Petersburgo. Hoje também está nevando e estou fascinado. Para mim está sendo tudo mágico. Como as paisagens mudaram de repente. O branco da neve não tem igual.

A primeira neve, nunca se esquece, mas não é só eu que digo isso não, os próprios russos também falam isso, pois quando criança você tem consciência da sua primeira neve, jamais vai esquecer desse dia. Por que será, né?!! Por ser mágico e tudo ficar lindo lá fora.

Estava assim hoje como pode conferir no  vídeo pequeno que fiz da janela do meu quarto.

Nevou e nevou muito!

Até a próxima!

Não deixe de ver também!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.