A cidade russa de Мирный (Mirnyi) está localizada na República Sakha ou Lacutia na Sibéria, divisa com a cidade Yakutsk que já falei dela aqui no blog, pois trata-se de uma das cidades mais frias do mundo. Clique aqui e confira!

Mirnyi não é uma cidade, eu diria, um tanto atraente, mesmo assim é bem diferente do que estamos acostumados. Não se esqueça que é muito frio aqui também, uma vez que está na Lacutia onde as temperaturas no inverno são baixíssimas.









As estradas nessa cidade são nada agradáveis, porque não são asfaltadas e é lama por toda parte. As casas velhas de madeiras construídas pelos Soviéticos ainda estão de pé.





Mas o que tem nessa cidade que está na Lacutia em que chama a atenção de muitos que vão visita-la? Nessa cidade está o segundo buraco mais profundo na terra. Olhando na foto abaixo você verá o buraco próximo da cidade, mas para chegar lá ainda tem que pegar a estrada de terra com muita lama. As pessoas moram próximo de um buraco que é tão profundo perdendo somente para um buraco que tem nos USA.




Na metade de junho de 1955 os geólogos Soviéticos descobriram na região uma grande concentração de diamantes. Nessa época a cidade de Mirnyi nem existia. Foi mandando uma ordem de Moscou para começar as escavações e a busca aos diamantes. Então surgiu a cidade ao redor da mina de diamantes.


Foram usadas toneladas de dinamites para abrir o buraco no local. Na década de 60 foi encontrado 2 quilos de diamantes o que fez as escavações aprofundarem mais ainda o buraco na terra.


De 1957 até 2001 foram encontrados no local mais de 17 bilhões de dólares em diamantes. Como pode conferir na foto abaixo foi preciso construir até estrada dentro do buraco de 8 km para os caminhões. Que trabalho isso deve ter dado!


A verdade é que ainda não foi um serviço completo, pois o buraco teria que ser mais profundo, uma vez que ainda suspeitam de ter muito diamante abaixo, mas o problema que cavar mais esse buraco tornou-se um risco para toda cidade.


Um fato interessante é que helicópteros não podem de forma alguma voar sobre essa área, pois os equipamentos param de funcionar instantaneamente.

Em 1990 quando chegaram aos 525 metros e viram que a coisa já estava perigosa demais, então resolveram parar com as escavações.


Foi no ano de 1980 que foi encontrado no local o maior diamante de toda história da cidade.


Muitos moradores do local acredita que no futuro próximo esse buraco pode engolir a cidade de Mirniy transformando tudo num grande lamaçal.

Podemos dizer que a República da Lacutia e a cidade de Mirniy é muito rica, pois desse local saiu a riqueza para o mundo inteiro. É claro que toda essa riqueza não ficou com a cidade, pois é algo que da para ver.

Até a próxima!

Não deixe de ver também!

One thought on “O segundo buraco mais profundo da terra”

  1. Aqui na cidade onde moro, Barbalha, Ceará, neste momento o termômetro marca 25 graus e já tô agasalhado, com frio, imaginem, eu nesta cidade da Sibéria, não só congelaria, acho que viraria uma estátua de gelo. Mas, se eu pudesse e meu dinheiro desse, gostaria de conhecer a Rússia!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.